Anúncios

Fora do Caixa

Fora do Caixa

Bolsonaro diz que trocas de mensagens com miliciano podem ser forjadas
Rodrigo Maia paralisa a instalação de 6 CPIs na Câmara dos Deputados
Roberto Alvim se explica

A Polícia Federal realiza nesta manhã a operação Fora do Caixa. O nome é uma referência ao recebimento de recursos eleitorais não contabilizados. Ela é um desdobramento da operação Lava Jato.

A PF cumpre seis mandados de busca e apreensão e dois mandados de prisão temporária. Os mandados estão sendo cumpridos em Belém-PA, Palmas-TO e Brasília-DF. Foram presos os ex-senador Luiz Otávio Campos e Álvaro Cesar Silva da Rin.

A investigação tem como base o acordo de colaboração premiada feita por executivos da empreiteira Odebrecht. É apurado o pagamento  de R$ 1,5 milhão por caixa 2 para a campanha eleitoral do então candidato ao governo do Pará, Helder Barbalho (MDB), em 2014. O dinheiro pode ter sido desviado da obra da hidrelétrica de Belo Monte.  O ex-senador Luiz Otávio Campos é suspeito de ter arrecadado recursos junto aos empresários do consórcio.

A Polícia Federal chegou a pedir uma busca e apreensão na casa do Helder Barbalho (MDB), atual governador do estado do Pará. O pedido foi negado pela justiça.

A PF investiga se foram cometidos os crimes de falsidade ideológica eleitoral (caixa 2),formação de quadrilha e lavagem de dinheiro.

Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara da Justiça Eleitoral em Belém-PA.

 

Authors

Anúncios